Este pequeno projecto que vos apresentamos começa quando há uns anos 2 amigos nos desafiam para criar uma pequena joja de guloseimas com um conceito forte, que fosse uma lufada de ar fresco naquele local de Braga.

A nossa primeira intenção foi dotar a avenida de um novo e brilhante "frame" - devido à dualidade espacial existente. Entendemos que deveríamos dar profundidade, que parecesse "ilimitado" enquanto atravessássemos a avenida. Encaramos este projecto como se fosse uma instalação urbana que refletisse um mundo imaginário em que o produto aparece de forma sequencial com a ajuda de lâminas brancas que pretendem assemelhar-se a uma concavidade cavernosa onde a fantasia acontece. Estas lâminas definem o espaço nos planos vertical e horizontal, com concavidades e convexidades que permitem variadas sensações perspécticas, culminando no balcão de atendimento, integrado nestes mesmos elementos.

This small project we are presenting here began few years ago when two friends called us to create a little candy store, with a strong and fresh concept. We faced a re- stricted inside space with a great storefront . Therefore our fist intention was to provide the avenue with a new bright frame – due to the dual spacial condition. We intended that it should seem limitless, that we can be regarding it while we are crossing the street. This installation must reflect from the inside a new world, a fantasy world, that’s why we produced a illuminated module sequence framed with blades that simulate a cracked cave where this new world happens. Those blades make up the space both vertical and horizontally, with concavities and convexities that provide differents perspective sensa- tions, culminating with the front desk, integrating all space elements.

LOCALIZAÇÃO

Braga, PORTUGAL

PROJECTO

2015

OBRA

2016

 

AUTORES

Romeu Ribeiro

José Pedro Marques

FOTOGRAFIA

Formas Críticas

CONSTRUÇÃO

GOLACAP

Mostrar Mais